«

»

out 21

Bokeh

Texto e Fotos: Marcia Costa* 

   Você já reparou naquelas bolinhas de luz que aparecem no fundo desfocado em algumas fotos?  Esse efeito é chamado de Bokeh. A palavra vem do termo japonês boke, que pode ser traduzido para o inglês ‘blur”, que quer dizer borrão.

Foto: Marcia Costa

Foto: Marcia Costa

     É uma técnica fotográfica  em que os pontos de luz no fundo da imagem ficam fora de foco, formando bolinhas  iluminadas.

    Esta técnica é mais fácil de executar quando da utilização de objetivas com diafragmas mais abertos, como f/1.8 – 2.0 – 2.8.  Então uma 50 mm, que quase todo fotógrafo tem, vai ajudar e muito,  a produzir este efeito.

     Mas isso não é uma regra. É possível conseguir o efeito com aberturas um pouco menores  como f/4.0 ou f/5.6 e até menores, mas para isso, é necessário distâncias focais maiores, para aumentar o desfoque no fundo.

   Um dos  segredos é:  quanto maior for a  distância do plano de  fundo da imagem,  onde estão os pontos de luz,  para o seu assunto principal, onde está sendo feito  o foco, melhor será esse efeito. E, se você estiver mais perto do primeiro plano, também ajudará no desfoque do plano de fundo.

   Estas luzes de fundo não precisam ser propriamente lâmpadas ou luzes de pisca-pisca de árvore de Natal.  A luz do Sol que atravessa as folhas de uma árvore, pode  produzir o efeito, se encontrado o ângulo certo e a distância certa do primeiro para o segundo plano, onde está essa iluminação.

 Veja alguns  exemplos:

Foto: Marcia Costa

Foto: Marcia Costa

Esta foto foi realizada com uma abertura de diafragma em 5.6 e uma objetiva 135 mm.  O bokeh formado no fundo da imagem é a luz do Sol que atravessou as folhas das árvores.

 

 

 

 

 

img_8115

Foto: Marcia Costa

 

 

 

Na foto ao lado, foi utilizada abertura de diafragma 2.8 e objetiva 25 mm. O foco foi feito no fio no primeiro plano, fazendo um desfoque no fundo e formando o bokeh nos pontos de iluminação da cena.

 

 

 

img_9607

Foto: Marcia Costa

Nesta outra foto, a luz que reflete na água criou o bokeh,  mesmo fotografando com diafragma 7.1, a distância entre o ponto de foco e o fundo é razoável, utilizei aqui  uma distância focal de  55 mmm e o efeito apareceu.

 

 

 

 

 Criar o efeito não é difícil, basta saber aproveitar a iluminação ambiente que você se encontra e perceber se é possível tentar criar o bokeh. Você deve ter reparado, que eu não utilizei a 50 mm e só em uma foto utilizei diafragma mais aberto (f/2.8). Agora é só preparar seu equipamento e aproveitar as oportunidades com iluminação de fundo, para criar o bokeh.

 

* Marcia Costa: Diretora e professora no Grande Angular. Marcia Costa é Especialista em Artes Visuais, Formada pela UNESA/RJ, onde também formou-se em Fotografia e atua na área há mais de 15 anos. Trabalha como  Repórter Fotográfica na Secretaria de Estado de Educação e Ministra as disciplinas de Introdução a Fotografia, Fotojornalismo, Photoshop e  Fotodocumentário na Faculdade Pinheiro Guimarães/RJ.